Winetwork
  Newsletter n°1 - Março 2016   

Partilhe conhecimento e impeça a morte de vinhas

Em Abril de 2015 iniciou-se o Projecto WiNetwork, uma nova Rede Temática Horizonte 2020 cujo objectivo é o intercâmbio e a transferência de conhecimento inovador entre as diferentes regiões vitícolas da Europa, no sentido de aumentar a produtividade e a sustentabilidade do sector.
O projecto visa desenvolver um modelo para a troca efectiva de informações técnicas no sector do vinho, criando novas ferramentas, tais como: i) uma rede de Agentes Facilitadores, que animam uma região específica, e ii) um Repositório de Conhecimento concebido para armazenar informação estruturada mas também experiências práticas.
Os temas escolhidos para testar este novo modelo são duas das doenças da videira que mais preocupam actualmente o sector do vinho: as Doenças do Lenho (DL) e a Flavescência Dourada (FD).
Mais informação encontra-se disponível no site do projecto www.winetwork.eu ou no folheto disponível para download.

Agentes facilitadores (AF)



Os Agentes Facilitadores são a “espinha dorsal” do projecto Winetwork.
São responsáveis pela recolha do conhecimento científico mais actual junto dos cientistas e das outras regiões vitícolas, seleccionando a informação mais útil para a sua região e promovendo a sua transferência para os profissionais. Além disso - traço distintivo e inovador do projecto - os AF têm igualmente a tarefa de documentar experiências e práticas de sucesso na sua região, tornando este conhecimento passível de partilha com os colegas de outras regiões. Finalmente, os AF levam os assuntos/problemas da sua região para a comunidade científica, contribuindo para a construção de uma agenda de investigação futura bem adaptada às necessidades dos viticultores.
O perfil dos AF e os seus contactos podem ser encontrados neste link

Primeiro conteúdo do repositório do conhecimento

O projecto irá recolher todo o tipo de informações úteis sobre as DL e a FD, e fará o seu armazenamento numa plataforma web denominada "repositório de conhecimento", que será activada em 2016.
Como uma antevisão do que poderá encontrar, pode aceder - através do jornal online Infowine - aos seguintes seminários que foram previamente gravados:

 

  • Presentação das doenças do lenho, Vincenzo Mondello (Universidade de Reims)- em Inglês e em Italiano
  • Sintomatologia e Epidemiologia das Doenças do Lenho, Vincenzo Mondello (Universidade de Reims) – em Inglês e em Italiano
  • 3 questões sobre a Flavescência Dourada, Bernard Molot (IFV) - em Francês e em Inglês

Aceda aos links para começar a tirar proveito dos resultados do Projecto Winetwork.

Primeiro seminário Winetwork em Portugal

Em 10 de Novembro de 2015 foi realizado no Peso da Régua (Douro, Portugal), o primeiro seminário temático do Projecto Winetwork "Flavescência Dourada e Doenças do Lenho".
Este foi um evento muito importante para a difusão do projecto em Portugal, que envolveu um painel rico e vasto de oradores. O seminário reuniu cerca de 140 pessoas de todo o país e de diferentes sectores do vinho, incluindo viticultores, consultores, técnicos, empresas de pesticidas e fertilizantes, instituições oficiais e outras empresas relacionadas. Estes eventos são cruciais para a sensibilização do sector e disseminação do conhecimento.

Pode consultar aqui mais informações e as noticias na comunicação social, sobre o evento.

Redes temáticas Horizonte 2020

As Redes Temáticas são um novo instrumento criado pela Comissão Europeia no âmbito do programa Horizonte H2020, para impulsionar a inovação interactiva através de actividades próximas do utilizador, potenciando a troca de conhecimento através da produção e difusão de material orientado para o utilizador final e, pelo estabelecimento de agendas de investigação, tendo em conta as necessidades práticas.
As Redes Temáticas traduzem-se em projectos que envolvem todos os agentes interessados na síntese, discussão e apresentação do conhecimento científico existente e das melhores práticas a desenvolver. Como reúnem possíveis actores do sector, as redes temáticas facilitam na conexão e construção de grupos operacionais europeus & projectos multi-actores.


Quais são as outras redes temáticas H2020?

  • OK-Net Arable:Intercâmbio de conhecimento em agricultura biológica
  • HENNOVATION: Práticas conducentes à inovação suportadas pela investigação e orientadas para o mercado das galinhas poedeiras e outros sectores da pecuária
  • AGRISPIN: Espaço para a inovação em agricultura, identificação das melhores práticas para a inovação e sistemas de suporte.
  • FERTINNOVA: A rede tem por objectivo construir uma base de conhecimento de meta-dados e uma plataforma de intercâmbio de conhecimento em tecnologias de fertirrigação e nas melhores práticas para a sustentabilidade para uma fertirrigação amiga do ambiente em horticultura.

Como pretende ser informado?

O objectivo do WiNetwork é permitir o acesso à informação ao maior número possível de Stakeholders do sector vitivinícola.
De que forma esta informação deverá ser disponibilizada?
Vídeo, podcast, cursos de formação, artigos de jornal ...?
Qual o meio de divulgação preferido para um consultor? E para um trabalhador vitivinícola?
Ajude-nos a encontrar respostas para estas questões tão simples, mas cruciais: participe no questionário de 5 minutos no seguinte link

Junte-se ao Winetwork !

Se desejar receber informações em primeira mão sobre Doenças do Lenho e Flavescência Dourada, preencha os seus dados pessoais no final do inquérito e junte-se à comunidade de stakeholders do Projecto Winetwork.

Teste os seus conhecimentos!



 

Jogue o Quizz sobre Doenças do Lenho e Flavescência Dourada no site do Projecto Winetwork

Jogar!

Acção COST: Controlo sustentável das doenças do lenho

 

Esta Acção COST iniciou-se em 2013 com uma duração de 5 anos, com o objectivo de desenvolver uma rede de especialização Europeia para melhorar o conhecimento sobre as DL, permitindo a aquisição de conhecimento na ocorrência de patogénicos, na interacção videira-patogénico, na ecologia de microrganismos que habitam o lenho e, no desenvolvimento de novos protocolos de gestão e abordagens de controlo biológico. A presente acção reúne 117 participantes de 23 países Europeus para propor novas recomendações para a gestão das DL e estabelecer a Europa como o líder mundial na investigação em DL para salvaguardar as vinhas.

Mais informação em  http://managtd.eu/en/

Novas ferramentas biotecnológicas contra os agentes patogénicos

O Instituto da Agricultura e Turismo em Pore? – o parceiro Croata do Winetwork – destaca três iniciativas sobre estes tópicos na Croácia e Eslovénia:

Genómica Comparativa e Funcional de fitoplasmas - é um projecto de investigação financiado pela Fundação para a Ciência da Croácia, cujo objectivo é sequenciar os fitoplasmas mais disseminados na Croácia https://www.pmf.unizg.hr/genophyto

Estudos de Epidemiologia e Biodiversidade dos agentes patogénicos das plantas - é um projecto de investigação da Eslovénia que visa o desenvolvimento e aplicação de novos métodos biotecnológicos na identificação de patogénicos provenientes de material vegetal importado. http://www.nib.si   

Programas Nacionais de vigilância para a Flavescência Dourada na Croácia e outros organismos nocivos para as plantas http://www.hcphs.hr

European Union  
Winetwork financiado ao abrigo do programa de investigação e inovação da União Europeia 'Horizonte 2020', sob o acordo de subvenção nº 652601.